10 Mini Resenhas

Olá a todos! Faz um tempo que privei vários posts de uma coluna antiga que eu tinha por aqui de leituras do mês. Atualmente essa coluna naquele formato e tals, não faz muito sentido para mim, porém o conteúdo que eu havia compartilhado por lá não é de todo de jogar fora. Pensando nisso, resolvi resgatar alguns comentários breves de livros e contos e também de um ou outro sermão. Inclusive eu comentava por lá muitas leituras que acabei não escrevendo resenhas, então, fica o registro de algumas coisas que li e o que achei no geral.

Importante mencionar que não estabeleci nenhuma ordem para essas mini resenhas, são de leituras bem variadas que fiz em algum momento.

Um Amor Incômodo, da Elena Ferrante (Intrínseca, 2017, 176p.) ★★☆☆☆

Leitura feita por pura curiosidade. Depois de ver inúmeras pessoas na internet recomendando essa autora que nem sabemos se é mesmo autora (ou será quem sabe um autor) italiana, resolvi conferir o que tinha de tão especial. Infelizmente foi uma grande decepção da qual não me recuperei até hoje, pois não voltei a ler mais nada sob esse pseudônimo Elena Ferrante.

Dois Rios, de T. Greenwood (Novo Conceito, 2013, 448p.) ★★★★★

Romance, racismo, gravidez na adolescência, perdão, luto… são alguns dos temas retratados nessa obra. Leitura rápida. Entretenimento garantido.

Uma criatura dócil, de Dostoiévski ★★★★★

Foi meu primeiro Dostoiévski. Ainda que uma novela curtinha, me deixou sem palavras. Os protagonistas dessa pequena obra são dos mais complexos que já li e olha que nem nome eles tem direito. O que me resta é reler um dia.

A Metamorfose, de Franz Kafka (Hedra, 2009, 112p.) ★★★★★

Incrível! Mais uma vez Kafka nos faz mergulhar num cenário pertubardor.

A história do cachorro dos mortos, de Leandro Gomes Barros (cordel, 1974) ★★★★★

Cordel para quem nunca ouviu falar, em poucas palavras, são folhetos contendo pequenas histórias ou poemas escritos em forma de rima em uma linguagem popular. Originalmente expostos para venda em cordas ou cordéis, o que deu origem ao nome. No Brasil eles são encontrados no Nordeste, principalmente nos estados de Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte e Ceará. Nesse específico, a história se passa no Brasil Colônia e retrata a realidade dessa época, em alguns pontos, em dura crítica à sociedade.

Risco Escuro na Claridade, de Maiky Silva (publicação independente, 2018) ★★★★★

Narrativa fascinante, explora a elasticidade da sanidade humana. É uma novela para ler de uma vez só, pois não tem como parar (emocionalmente) para respirar.

Mentes Perigosas, da Ana Beatriz Barbosa (Editora Principium, 2008, 232p.) ★★★★☆

Conteúdo muito relevante em uma linguagem acessível – para o povão mesmo. O assunto é a psicopatia e como ela tem crescido nas últimas décadas em todo mundo. A autora quebra a imagem criada pelos filmes dessas pessoas que, clinicamente comprovado, não tem empatia alguma por seus semelhantes. É uma leitura incômoda, mas na minha opinião necessária à todas as pessoas.

Mentiram para mim sobre o desarmamento, de Flavio Quintela e Bene Barbosa (Vide Editorial, 2015, 176p.) ★★★★★

Eis aqui um ótimo livro de não ficção que super recomendo. Um livro nacional sobre uma das grandes pautas do país, uma leitura obrigatória independente da opinião do leitor sobre o tema. Fiquei surpresa com o que encontrei ali, muito bom mesmo.

O Poder dos Quietos, de Susan Cain (Agir, 2012, 352p.) ★★★★★

Fiz uma leitura conjunta dele com a Dafne e que experiência gratificante tivemos. Gostei demais do livro apesar da escrita não ser das melhores. De forma resumida, se trata de uma análise cultural das personalidades humanas “extrovertidas e introvertidas”, com um enfoque especial na introvertida. É um material de grande importância e de informações úteis para todas as pessoas e de todas as idades.

Desejo e Engano, de Rev. Albert Mohler Jr. (Fiel, 2009, 136p.) ★★★★★

Li esse livro graças ao incentivo da Editora Fiel em disponibilizar o ebook grátis em uma promoção. Lembro-me de ter baixado para o meu Kindle e dar uma espiada sem compromisso enquanto aguardava a minha vez no consultório médico. Não consegui parar de ler. Resumidamente esse livro revela as reais consequências da revolução sexual iniciada no século XX no ocidente. O autor mostra o caminho que a sociedade, na questão sexualidade, percorreu até aqui e aponta o caos a frente. Para ele nosso tempo é a era da perversidade polimorfa, que é claro não vou explicar o que significa para te instigar a ler o livro. Recomendo.

– Oma Koti, March 1934. Martha Wendelin (Finnish. 1893-1986).

3 comentários sobre “10 Mini Resenhas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s