+10 Mini Resenhas

Então… Olá a todos! Aqui vão mais dez brevíssimos comentários sobre algumas leituras que fiz ao longo do tempo desse blog como expliquei no primeiro post. Dessa vez separei cinco livros e cinco contos, isso é, minhas impressões gerais sobre eles, tipo aquelas notas escritas a lápis no cantinho de alguma página. A ordem está totalmente aleatória, espero que gostem 🙂

Crime e Castigo, de Fiódor Dostoieveski (Martin Claret, 2002, 560p.) ★★★★★

Esse é o livro preferido de muita gente. Ele está em todas as listas que eu já vi de melhores ou essenciais livros para ler. Para um livro desse porte é normal criar expectativas e eu criei, altas, altíssimas expectativas. O que aconteceu? Elas foram superadas. Que livro é esse! É até difícil falar sobre ele, mas pensa em uma narrativa que consegue expor a natureza humana caída tão bem que dá até medo. Sério, é impossível sair dessa leitura com o mesmo olhar para as pessoas ou para si mesmo (para uma cristã como eu, só retrata a necessidade desesperada que a humanidade tem de um salvador). É uma das obras que quero reler para daí quem sabe conseguir me expressar melhor. Quem gosta realmente de literatura, não pode deixar de ter essa experiência!

Baú de Ossos, de Pedro Nava (Companhia das Letras, 2012, 520p.) ★★★★☆

Há livros que são verdadeiras experiências literárias (qualquer dia escrevo mais sobre isso). É o caso das memórias de Pedro Nava. Eu senti o cotidiano brasileiro em cada página, através de uma linguagem tão nossa, que não sei se um estrangeiro lendo isso vai entender o valor da obra. Incrível!

O Mundo de Ontem, de Stefan Zweig (Zahar, 2014, 400p.) ★★★★★

Entrou para minha lista dos melhores da vida. Desde que terminei a leitura estou procurando as palavras para me expressar sobre ele, mas não as encontro ou não as organizo. É um livro de memórias, o meu gênero literário favorito. O autor, Stefan Zweig, era um austríaco de origem judia, que viveu as duas guerras mundiais e morreu no Brasil. Um dos relatos sobre a vida, a cultura, a sociedade, o homem… mais sem esperança e ao mesmo tempo belo que já li.

O Coração das Trevas, de Joseph Conrad (Landmark, 2012, 171p.) ★★★★☆

O professor Francisco Castro me levou direto para as páginas de O coração das trevas quando repetidamente elogiava o estilo de Josef Conrad. Não tive como evitar, precisava conferir isso de perto e não me desiludi, Conrad tem mesmo uma narrativa incrivelmente envolvente e psicológica. E garanto que esse clássico me surpreendeu não só pela narrativa, mas por todo o seu contexto histórico da escravidão, colonialismo e depravação humana

A Morte de Ivan Ilitch, de Leon Tolstói (LP&M, 2017, 112p.) ★★★★★

Outro que entrou para minha lista de melhores leituras. É uma obra-prima. Inesquecível. Um livro curto que dá conta de tocar em muitas questões universais: dor, morte, hipocrisia, relacionamentos… É um livro para repensar como estamos vivendo a vida.

A força humana [conto], de Rubem Fonseca ★★☆☆☆

Narrativa nacional. Li junto com a @dafneantunes e o que falo aqui brevemente é em parte, fruto das nossas conversas. Apesar de reconhecer que a construção do enredo é notável, a voz do narrador bem brasileira e que os temas levantados convidam o leitor a reflexões importantes… O conto me pareceu longo demais (um pouco enrolado), não gostei da ambientação da academia e de nenhum personagem. 

Idolatria [conto], de Sergio Faraco ★★★★☆

Outro conto brasileiro, que também fez parte de uma leitura compartilhada com a @dafneantunes. Gostei muito! A narrativa é curtíssima, mas surpreendente por retratar de maneira tão dura a relação de pai e filho.

A partida [conto], de Osman Lins ★★★★★

“Lindoooo!” Foi o que eu disse para minha irmã quando terminei a leitura desse conto. Ela foi ler imediatamente rs. Foi o meu primeiro contato com esse escritor pernambucano, e já quero muito ler tudo que eu encontrar dele. Aliás é o segundo autor pernambucano que me chama atenção, o primeiro foi o Leandro Gomes de Barros.

O abutre [conto], de Franz Kafka ★★★★★

Um conto curtíssimo, forte e incômodo, como tudo o mais que já li do Kafka. 

A ponte [conto], de Franz Kafka ★★★★★

Curto, muito enigmático também. Não consegui compreendê-lo ainda e talvez nunca consiga.

Skoob | Goodreads | Medium | Blogger

2 comentários sobre “+10 Mini Resenhas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s